betano

SEÇÕES

Primeira-dama Janja tem seu perfil no X hackeado; PF iniciou investigação

O perfil da primeira-dama surgiu na noite desta segunda-feira com postagens machistas, misóginas e de conteúdo sexual

Algumas das postagens feitas pelo hacker no perfil da primeira-dama Janja | Reprodução
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

O perfil da primeira-dama do Brasil, Janja Lula da Silva, na rede social X, antigo Twitter, foi hackeado na noite desta segunda-feira, 11. Várias postagens de teor sexual, machistas e misóginos foram feitos no perfil da primeira-dama, com insultos também ao presidente Lula e ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF)A Polícia Federal já iniciou as investigações que deverão levar à identificação e responsabilização dos responsáveis pelo crime.

Menos de 30 minutos após a invasão à conta da primeira-dama, o hacker já havia feito 14 postagem no perfil invadido. As postagens incluem frases como "Super Xandão, presidente do Brasil em 2026", falando sobre o ministro do STF Alexandre de Moraes. 

Além de pedidos para seguir uma conta que se define como "anti-comunista" e a frase "Eu apoio o mensalão". A primeira postagem, que assume que a conta teria sido hackeada, ocorreu às 21h37. O invasor interagiu com usuários que comentavam as postagens. 

Além dos textos de conteúdo ofensivo e sexual, o perfil também publicou um vídeo com o que seria o print da tela do hacker que invadiu a conta da primeira-dama, com um áudio mandando um “salve”, para outros perfis de criminosos virtuais.

A assessoria de comunicação da Presidência da República confirmou que a Polícia Federal já iniciou as investigações sobre a invasão ao perfil da primeira-dama. Além disso, a rede social X também já foi comunicada sobre a invasão. 

A secretaria de comunicação social da Presidência da República divulgou uma nota em seu site, também publicada nas redes sociais, onde repudia a invasão à conta da primeira-dama, além de informar que acionou a Polícia Federal e a rede social X.

"A Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República repudia veementemente o ataque hacker à conta da senhora Janja Lula da Silva, e informa que a Polícia Federal e a plataforma X (antigo Twitter) foram acionadas. Todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas. Não serão tolerados crimes, discursos misóginos, o ódio e a intolerância nas redes sociais", informa a nota.

Polícia Federal emitiu uma nota nas suas redes sociais

A Polícia Federal informa que instaurou investigação preliminar para apurar a invasão ao perfil no X (ex-Twitter) da senhora Janja Lula da Silva, na noite desta segunda-feira (11/12).

A conta foi bloqueada para novas publicações, a pedido da PF, após postagens ofensivas contra a senhora Janja e o Presidente da República.

A Diretoria de Crimes Cibernéticos irá instaurar inquérito policial para aprofundar as investigações.

Matéria em atualização



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
betano Mapa do site