betano

SEÇÕES

Jovem suspeito de matar auxiliar de pedreiro com 18 tiros é preso em Parnaíba

A operação tinha como objetivo de cumprir três mandados de busca e apreensão, e um mandado de prisão.

Jovem suspeito de matar auxiliar de pedreiro com 18 tiros é preso em Parnaíba. | Blog do coveiro
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Um jovem de 20 anos, identificado pelas iniciais L.C.S, suspeito de assassinar o auxiliar de pedreiro, Francisco Luan dos Santos Moreira, em julho deste ano, foi preso na manhã desta terça-feira (19). A ação ocorreu durante uma operação em bairros da cidade de Parnaíba, no Litoral do Piauí. 

Realizada pela Polícia Civil do Piauí, por meio da 1ª Delegacia Especializada no Combate às Facções Criminosas, Homicídios e Tráfico de Drogas (DFHT) de Parnaíba com o apoio da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado do Piauí, a operação tinha como objetivo de cumprir três mandados de busca e apreensão, e um mandado de prisão nos bairros Frei Higino e Broder Ville no município. 

De acordo com o delegado Maikon Kaestner, responsável pela área de homicídios da DFHT de Parnaíba, o preso é autor dos disparos que mataram Francisco Luan, que trabalhava em um bar na cidade. A vítima foi surpreendida por uma dupla que se aproximou e efetuou os disparos de arma de fogo.

''O autor dos disparos é de alta periculosidade e contra ele já havia outro mandado de prisão, também por homicídio. A morte foi motivada por desavenças internas dentro de uma facção criminosa'', completou o delegado.

RELEMBRE O CASO

De acordo com o 2° Batalhão de Polícia Militar (2°BPM), no dia 4 de julho, Francisco Luan, de 31 anos, estava trabalhando quando foi surpreendido por uma dupla que se aproximou e efetuou os disparos de arma de fogo. A vítima tinha passagem pela polícia por furto e roubo em 2018.

Populares informaram à polícia, que dois indivíduos, cada um em uma moto, surpreenderam a vítima, popularmente conhecida como “Tubão”, com os tiros e logo em seguida empreenderam fuga.

“O que nós temos é que por volta de meio dia de hoje, Francisco Luan, que trabalhava como auxiliar de pedreiro no bar Encontro dos Amigos, quando elementos em duas motos se aproximaram e efetuaram disparos nele com 18 tiros. Foi morte imediata”, afirmou o 2° Batalhão de Polícia Militar.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
betano Mapa do site