betano

SEÇÕES

Passe Livre Enem garante presença de estudantes nos dias das provas

Projeto da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) distribui vales para 2.200 estudantes da rede pública estadual de ensino.

Passe Livre Enem | Raíssa Morais
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

O Piauí evolui ano após ano na participação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A partir de esforços da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), os estudantes da rede pública estadual têm acesso ao chamado "Passe Livre Enem"que dá direito a passagens gratuitas para o local de aplicação da prova.

Esse é um dos benefícios da Seduc para garantir que o aluno preste o vestibular e consiga ingressar no ensino superior. Além do Passe Livre Enem, revisões por todo o Piauí, além do Canal Educação, fortalecem a rede para que cada vez mais estudantes participem e obtenham êxito nas provas.

Passes foram entregues durante solenidade no Karnak, na quarta-feira (9) | FOTO: Raíssa Morais

Ao todo, foram entregues 9.500 passes na manhã desta quarta-feira (9) em solenidade realizada no Palácio de KarnakEstudantes foram recebidos pela governadora Regina Sousa (PT) e o secretário de Estado da Educação, Ellen Gera. O Piauí estima a participação de mais de 83 mil candidatos no certame, que garante acesso a instituições de ensino superior de todo o país, incluindo as Universidades Estadual e Federal do Piauí (Uespi e UFPI). 

O Passe Livre dá a oportunidade dos estudantes se deslocarem do município onde residem até o polo em que os mesmos farão a prova nos dois dias de aplicação do Enem. Apenas em Teresina, são 2.200 estudantes beneficiados com o cartão Passe Livre. 

Regina Sousa e Ellen Gera entregam passes a estudantes para o Enem 2022 | FOTO: Raíssa Morais

No interior, a Seduc realiza a logística de transporte para garantir o traslado dos estudantes em 192 municípios até os 32 municípios polo de aplicação, garantindo gratuidade de acesso aos locais de prova para 7.300 alunos da rede estadual, abrangendo Ensino Médio Regular, Ensino Médio de Tempo Integral, Educação de Jovens e Adultos e Ensino profissionalizante, exclusivamente para comparecimento às provas do Enem, que acontecem nos dias 13 e 20 de novembro de 2022.

A ação acontece desde 2016 devido à necessidade de atender estudantes que deixavam de comparecer ao exame por não terem recursos para o deslocamento até os locais de prova, o que levou o Piauí a altos índices de abstenção. 

Estudantes reconhecem a importância do Passe Livre

Letícia Soares Nascimento, de 16 anos, está no segundo ano do Centro de Tempo Integral (CETI) Modestina Bezerra, zona Sudeste de Teresina. Ela quer cursar Arquitetura. “A gente busca, durante este período, o próprio sonho. Antes não tínhamos todo esse incentivo e agora com as revisões e o Passe Livre nos incentiva para passar pelo processo da prova", considera.

Letícia Soares destaca que ação incentiva alunos | FOTO: Raíssa Morais

Daniel Ferreira, de 17 anos, também está no segundo ano do CETI e quer fazer o curso de Direito. "O Passe Livre é importante porque facilita a ida e a volta da prova. Além disso, motiva a gente do ensino médio a participar da prova. Sou um aluno mediano, mas eu gosto muito de estudar biologia", avalia.

Daniel Ferreira confirma importância da iniciativa | FOTO: Raissa Morais

Elice Deise Pinheiro Santos, de 17 anos, está no terceiro ano do Modestina Bezerra e também quer fazer o curso de Direito. “Eu estou bem nervosa porque é meu primeiro Enem, nunca fiz antes. Mas estou ansiosa por essa nova etapa da minha vida. Eu não tenho prioridade de faculdade, mas eu vou tentar a UFPI. Eu acho que as revisões e o transporte incentivam a gente nesse processo”, conta.

Elice Santos sonha em cursar Direito | FOTO: Raíssa Morais

Maior taxa de presença por três anos

Os resultados do Passe Livre Enem impressionam. A partir da política pública, o Piauí foi por três anos consecutivos o Estado com a menor taxa de abstenção da prova, mesmo em meio à pandemia de Covid-19 em 2020.

Para a governadora Regina Sousa, a educação do Piauí evoluiu em 20 anos. “Hoje temos tecnologia avançada como o Canal Educação. Além de muitas outras inovações. O Piauí tem Universidade Aberta em todos os municípios! Isso fez a gente saltar entre os estados da posição de número 23 para a de número 9 em educação pública. É uma construção de muitas mãos. Hoje todos os estudantes têm transporte para chegar à prova”, assegura a chefe do executivo estadual.

Governadora Regina Sousa exalta iniciativa | FOTO: Raíssa Morais

Ellen Gera, secretário de educação, reforça que os estudantes são o futuro do Piauí. "Por isso queremos garantir que cheguem bem e confiantes no Enem. Assim eles vão poder arrebentar e conseguir vagas em muitas universidades. Às vésperas, vamos manter nosso compromisso de fazer do Piauí o estado mais apaixonado pelo Enem", aponta.

Secretário Ellen Gera aponta resultados desde que a medida foi implementada no estado | FOTO: Raíssa Morais

Viviane Holanda, diretora de mediação tecnológica da Seduc, conta que o esforço é para oportunizar que todos os estudantes compareçam. “Vamos garantir o transporte gratuito dos estudantes no estado em 32 municípios. São 224 municípios, então tem que viabilizar que eles cheguem a essas cidades para acesso aos locais de prova”, explica.

Viviane Carvalhedo conta que objetivo do programa foi alcançado | FOTO: Raíssa Morais

A mobilização de forma efetiva colhe os frutos demonstrados através dos dados. "Em 2021 tivemos o maior percentual de presença. O estudante hoje tem uma grande plataforma de ingresso à universidade que a Seduc oferece”, revela finaliza.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
betano Mapa do site