betano

SEÇÕES

Israel diz que 1,5 mil terroristas do Hamas foram mortos fora da Faixa de Gaza

No sábado (7), homens armados do Hamas penetraram em Israel como parte de um ataque terrorista que visou várias cidades israelenses.

Soldados israelenses posicionados na região da fronteira com a Faixa de Gaza | Jack Guez/AFP
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Um porta-voz das forças militares israelenses anunciou nesta terça-feira (10) a descoberta de cerca de 1.500 corposde membros do Hamas no território de Israel. Isso ocorre após o início do conflito na região no sábado (7), que resultou na perda de centenas de vidas e deixou milhares de feridos.

No sábado (7), homens armados do Hamas penetraram em Israel como parte de um ataque terrorista que visou várias cidades israelenses. Nesse dia, os membros do grupo abriram fogo indiscriminadamente contra civis nas ruas.

Israel, em resposta aos ataques, mobilizou e reforçou suas tropas no sul do país e nos arredores da Faixa de Gaza. Nesta terça-feira, as forças de defesa israelenses anunciaram ter recuperado o controle da fronteira.

De acordo com autoridades israelenses, nenhum incidente de invasão foi registrado na segunda-feira (9). Minas foram implantadas na região da barreira que foi violada pelo Hamas no sábado para impedir futuras incursões.

O conflito entre Israel e o Hamas já persiste por quatro dias. Hoje, Israel lançou um ataque em grande escala contra o grupo terrorista, atingindo mais de 200 alvos na Faixa de Gaza.

Soldado israelense na região da fronteira - Foto: Jack Guez/AFP

O que aconteceu até agora:

O ataque envolveu o lançamento de 5 mil foguetes pelo Hamas, principalmente perto da fronteira da Faixa de Gaza.

Homens armados do Hamas invadiram o território israelense pelo sul, usando terra, ar, mar, motos e parapentes. Houve relatos de tiros contra pessoas nas ruas e sequestro de dezenas de israelenses, incluindo mulheres e crianças, levados como reféns para Gaza.

Israel respondeu à ofensiva do Hamas com retaliações, incluindo bombardeios na Faixa de Gaza. O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu declarou que Israel está em guerra e está determinado a vencer.

O número de mortos é estimado em mais de 1.600 pessoas, com mais de 900 vítimas em Israel e 770 em Gaza.

A Faixa de Gaza é um território palestino situado na costa oeste de Israel, na fronteira com o Egito. É caracterizado por sua pobreza e superpopulação, abrigando 2 milhões de habitantes em um território de 360 km².

A região tem sido palco de conflitos e disputas ao longo de décadas, remontando a 1947, quando a ONU propôs a criação de dois Estados, um judeu e um árabe, na Palestina sob mandato britânico. O histórico do conflito é complexo e envolve inúmeros enfrentamentos armados e mortes.

LEIA MAIS NO realidadgeselina.com

Leia Mais


Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
betano Mapa do site